Mosteiro

Alegria e “coisas” boas: um postal para Agustina

Alegria e “coisas” boas: um postal para Agustina Nestes primeiros dias de Outono, ao atravessar o nosso Jardim Botânico, lembramos que os nossos passos podem estar a dar contemporaneidade aos que terão sido os passos de Agustina por aqui. Agustina viveu em Coimbra, “numa pequena casa da Rua dos Combatentes que ficava dentro dum jardim. Seria a casa do chauffer, se houvesse esse cargo na família dos senhorios”; mas esses…

Sabugueiro

OS HABITANTES DA VILLA | Sabugueiro (Sambucus nigra)

OS HABITANTES DA VILLA | Sabugueiro (Sambucus nigra) Esta semana escolhemos apresentar uma planta, mais especificamente o Sabugueiro. Esta árvore ocorre naturalmente quer nas margens de rios, quer nas orlas de bosques e matagais. No entanto, também é cultivada perto de habitações ou campos agrícolas.   Antigamente, esta árvore era conhecida pelo nome de “farmácia viva”, visto que quase todos os seus órgãos podiam ser utilizados para preparar pelo menos…

Freixo

OS HABITANTES DA VILLA | Freixo (Fraxinus angustifolia)

OS HABITANTES DA VILLA | Freixo (Fraxinus angustifolia) O Freixo é uma árvore mediterrânica que pode ser encontrado perto de solos frescos com bastante água, como margens de rios ou vertentes de montanhas. Este floresce entre o fim do Inverno e o início da Primavera, perdendo as folhas no Outono. As suas folhas têm propriedades diuréticas e anti-reumáticas, podendo ser usadas para tratar problemas como o mau hálito ou a…

Cuco-canoro

OS HABITANTES DA VILLA | Cuco-canoro (Cuculus canorus)

OS HABITANTES DA VILLA | Cuco-canoro (Cuculus canorus) O cuco-canoro pode ser encontrado em florestas, bosques e zonas ripícolas, e a sua dieta é maioritariamente constituída por insetos, aranhas e caracóis. Sabia que o habitante desta semana é conhecido por ser parasita de outras espécies de aves? Na altura de pôr os ovos, as fêmeas de cuco-canoro põem as crias não nos seus ninhos, mas sim em ninhos de outras…

Melro-preto

OS HABITANTES DA VILLA | Melro-preto (Turdus merula)

OS HABITANTES DA VILLA | Melro-preto (Turdus merula)   O Melro-preto pode ser encontrando em quase todo o território português, em bosques, matos, parques, jardins e habitats semelhantes. Ele alimenta-se principalmente de insetos e bagas, mas também pode comer animais como peixes, tritões, lagartixas ou musaranhos. Sabia que os machos mais atraentes para as fêmeas desta espécie são os indivíduos com o bico mais laranja? Isto acontece porque a cor…

Funcho

OS HABITANTES DA VILLA | Funcho (Foeniculum vulgare)

OS HABITANTES DA VILLA | Funcho (Foeniculum vulgare)   O Funcho tem preferência pelas margens de campos e caminhos, sebes e lugares algo secos. Na ECO Quinta Villa Maria encontra-se em grande expansão no Prado.   As suas folhas e sementes possuem compostos como o anetol, saponinas, flavonoides, taninos, cumarinas e ácido rosmarínico, que possuem ação relaxante, anti-inflamatória, estimulante, antiespasmódica, carminativa, anti plaquetária, vermífuga, digestiva, diurética e expetorante suave.   …

Rato-do-campo

OS HABITANTES DA VILLA | Rato-do-campo (Apodemus sylvaticus)

OS HABITANTES DA VILLA | Rato-do-campo (Apodemus sylvaticus)     Tal como o seu nome comum indica, este residente pode ser encontrado ao longo do país em matos e bosques, e por vezes em prados e campos agrícolas. Ele faz as suas tarefas diárias durante a noite, e o luar, a humidade e temperaturas baixas fazem com que seja menos ativo que o normal. A sua dieta é variada, com…

Erva Cidreira

OS HABITANTES DA VILLA | Erva-cidreira (Melissa officinalis)

OS HABITANTES DA VILLA | Erva-cidreira (Melissa officinalis)     A Erva-cidreira é uma planta herbácea perene e é usada como medicinal e aromática. Floresce na primavera e verão, sendo as suas flores muito atrativas para abelhas e borboletas. Necessitam de terrenos húmidos e com algum sol. Na ECO Quinta Villa Maria encontra-se junto ao bambuzal e perto das linhas de água. A Erva-cidreira tem vários benefícios, como propriedades calmantes…